Ana Martins

Ana Martins (Mação, 1984). Vive em Lisboa, trabalha por onde passa.
Cursou Ilustração científica na Universidade Autónoma de Lisboa, e pintura na FBAUL. Recebeu o Prémio BPI/FBAUL em 2010. Doula da arte e parir.
O seu trabalho desenvolve-se entre as artes plásticas, o desenho, a instalação, a tapeçaria, o sangue, a maternidade e a Terra. Tem um interesse prevalente pela dualidade matéria/não matéria, corpo/espírito. Trabalha a transmutação cíclica do feminino a cada metamorfose entre exposições, círculos de mulheres Mandorla, a cura como acto subversivo, partos e fluídos.
Na exposição “Habitar a Colecção” (comissariado: Colectivo de Curadores) na Casa Museu Medeiros e Almeida em Lisboa, apresentou uma obra site-specific, entre a instalação e a performance, resultado de uma permanência quase diária no museu durante um mês.
Investigadora da vida a cada Agora.

Top