Rita Gaspar Vieira

(Leiria, 1976) Vive e trabalha entre Lisboa e Leiria.

Rita Gaspar Vieira (Leiria, 1976) vive e trabalha entre Leiria e Lisboa.
Operando no campo do desenho e da tridimensionalidade, a obra de Rita Gaspar Vieiratem vindo a problematizar relações entre a memória privada e a comum coletiva delugares habitados, destacando a relação entre as práticas quotidianas e os procedimentosartísticos que essas práticas constituem no seu trabalho, ao considerar a diferençacriativa alcançada face à espectativa com que estas ações são desempenhadas. Noconjunto dessas práticas o uso da água é determinante. Além disso, na sua práxis, érecorrente a produção de papel de algodão artesanal, que se constitui como génese dodesenho e das suas instalações.
Rita Gaspar Vieira estudou Artes Visuais na F.B.A.U.L. (Lisboa), onde também fez oMestrado em Teorias da Arte e o Doutoramento em Belas Artes – Desenho. É docenteno Instituto Politécnico de Tomar, em Tomar; no C.E.A.C. – Centro de Estudos de ArteContemporânea, em V. N. Barquinha; no Colégio das Artes da Universidade deCoimbra (Doutoramento em Arte Contemporânea) e membro integrado do Techn&Art -Centro de Tecnologia, Restauro e Valorização das Artes, do Instituto Politécnico deTomar.
Expôs:2020: O Desenho Incerto. Cinco Leituras do Espaço, Colégio das Artes, daUniversidade de Coimbra, Coimbra, Portugal (comissariada por Sérgio FazendaRodrigues); Com a mão cheia de pó – Gal. Belo Galsterer, Lisboa, Portugal(comissariada por Ana Rito);2019: Pensar é guardar – Gal. Banco das Artes e Moinho do Papel, Leiria, Portugal(organização Rita Gaspar Vieira); Mnemosyne project - Munsterland Festival –Kloster Bentlage, Emsdetten Gal., Rheine, Alemanha; Intrusos - El Salón, Madrid,Espanha (comissarida por Isabella Lenzi e Bernardo José de Souza); Studiolo XXI,desenho e afinidades – Fundação Eugénio de Almeida, Centro de Arte e Cultura,Évora, Portugal (comissarida por Fátima Lambert); Desbravando o Acervo – MACSMuseu de Arte Contemporânea de Sorocaba, Sorocaba, Brasil; Colorido Pelo Sol –Museu Soares dos Reis e Quase Galeria/Espaço T, Porto, Portugal (comissariadas porFátima Lambert);
2018: Library of Love – C.A.C. Contemplation Room, Cincinnati Contemporary ArtsCenter, Cincinnati, U.S.A.; Desenho Multiplicado – Viarco, Fábrica Portuguesa deLápis, São João da Madeira, Portugal; Voo Raso – Sala de Projetos Fidalga, São Paulo,Brasil (comissariada por Lola Fabres); O Caminho das Formigas – Galeria AndreaRehder, São Paulo, Brasil; A ver e dever – Sala Project Room, Galeria Municipal Ed.Banco das artes, Leiria, Portugal; Simpósio – Galeria Appleton Square, Lisboa,Portugal (comissariada por Sérgio Fazenda Rodrigues);2017: Trabalho do Lado – Ateliê Shirley Paes Leme, São Paulo, Brasil; Rrevolução!Rosta Reboot – Colégio das Artes da Universidade de Coimbra, Portugal; Umquadrado num cubo num quarto - Empty Cube, Q22 – Colégio das Artes daUniversidade de Coimbra, Portugal; Coleção da Fundação Portuguesa dasComunicações, Fundação Portuguesa das Comunicações, Lisboa, Portugal; MeetingPoint, Galeria Bessa Pereira, Lisboa;2016: Murmúrio da Semelhança – Fundação Portuguesa das Comunicações /Gal.Bessa Pereira, Lisboa, Portugal; Voyage autour de ma chambre – Q22, Colégio dasArtes, Coimbra, Portugal; Ocupar/Habitar – Moinho do Papel de Leiria, DiaInternacional dos Monumentos e Sítios, Leiria, Portugal; Reserva Aberta - Coleção doCírculo de Artes Plásticas de Coimbra, Círculo Sede, Coimbra, Portugal;2015: R/C Esq. - Avenida de Madrid 11, Lisboa;2014: Linha D'Água - Museu de Santa Clara-a-velha, Cíclo Espelho, Coimbra,Portugal (comissariada por Andreia Poças); Lugar Casa - Círculo de Artes Plásticas deCoimbra – Círculo Sede, Coimbra (comissariada por Andreia Poças); A VanguardaEstá Em Ti - Coleção do Círculo de Artes Plásticas de Coimbra, Museu Municipal deCoimbra, Ed. Chiado, Coimbra, Portugal; Marca D’Água #1 – Projeto digital paraEmpty Cube (comissariado por João Silvério);2012: Mapas para Efetivar o Quotidiano - Galeria de exposições do Moinho do Papelde Leiria, Leiria;2009: De nó a nó - Espaço A9, Leiria;2006: OPÇÕES E FUTUROS #2 - obras da coleção da fundação P.L.M.J., EspaçoA.C., Lisboa, Portugal; Por Causa De Ver - Galeria Palácio Galveias, Lisboa, Portugal;NRG´S - Interpress, Bairro Alto, Lisboa, Portugal;2005: 13: sete - Galeria Sete, Coimbra (comissariada por Miguel Amado), Portugal;2004: Coletiva de artistas no Fórum da Maia, Fórum da Maia – Porto, Portugal.
Intervenções em espaços públicos: S.P.M. (com parceria de Nuno Sousa Vieira),Jardim de Santo Agostinho, Leiria, Portugal (2004) e Speaker (com parceria de NunoSousa Vieira), projeto integrado no concurso Ambient´Arte, Leiria, Portugal (2002).Recebeu o 1º Prémio – Prémio Fidelidade Jovens Pintores, Portugal (2000).
A sua obra está representada em coleções institucionais como: Câmara Municipal deLeiria, Portugal; Círculo de Artes Plásticas de Coimbra, Portugal; Col. P.L.M.J., Lisboa,Portugal; Companhia de Seguros Fidelidade, Lisboa, Portugal; a do M.A.C.S.,Sorocaba, Brasil e a Fundação Portuguesa das Comunicações, Lisboa, Portugal; e aindaem várias coleções privadas como: Col. Figueiredo Ribeiro, Abrantes, Portugal; Col.Marín.Gaspar, Alvito, Portugal; Col. António Cachola, Elvas; sendo representada pelaGaleria Andrea Rehder (São Paulo) e trabalhando em colaboração com a Galeria BeloGalsterer. 

Top